APRENDENDO A CONVIVER COM A DIABETES

Depois da minha ultima postagem aqui, perdi um grande amigo no dia 28 de setembro.
Foi mais um choque do meu período, acho que do meu ano.Nossa vida é um fio frágil suspenso no Universo, por vezes fica bambo, por vezes fica tenso, e por vezes se rompe, e vamos pra um outro plano, que é um verdadeiro mistério até o dia de hoje. Ninguém sabe se existe o lado de lá, ou se o lado de lá é esse aqui.
O que sei e aprendi nesses 60 dias conscientes de convivência com a diabetes, é que precisamos nos observar o tempo todo.
Nosso corpo emite sinais, e se o observamos, vamos sentir, e verificar o que acontece.
Entrei nesse estágio de convivência com a Diabetes, por puro comodismo. Nunca tive problemas com meu peso extra, nem tão pouco imaginei que ovários policísticos podem ser um alerta, assim como a gordura abdominal para diabetes.
Consciente da minha eterna convivência com a Bete, respeito, mas mostro quem manda. Mudei minha alimentação, voltei a prática de exercícios, e tenho uma rotina de verificação da glicemia, que daqui a pouco vai ser mais espaçada pelo fato de se tratar de DM2 (Diabetes Melintus tipo 2).
Tenho a consciência que é um fato pra vida, e eu pretendo chegar aos 105, firme e forte, porque hoje, SIM, eu me cuido pra isso.
Dá desânimo, irrita, enche o saco? Sim, claro, sou humana. Mas acima de tudo tenho consciência do que quero pra mim.
Se vc acabou de descobrir essa invasora, ou se já convive com ela, tenha fé em vc, coloque sua força na ativa e vc vai vencer os obstáculos e conviver muito bem.
Ótima semana a todos...Bjoooo

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MULHERES e Miomas 2

UMA GANGORRA CHAMADA DIABETES

DIABETES TIPO EU TENHO!